quinta-feira, 27 de agosto de 2009

Love you too

Talvez a melhor maneira de sabermos de nós mesmos seja através daqueles que amamos. Não pelo que eles têm a dizer a nosso respeito, mas pelo que eles são. Porque o que eles são está refletido em nós de alguma maneira. Somos espelhos de quem nos cerca e também podemos nos ver nesses outros.

Um gosto pelo cinema, interesse pelos mesmos assuntos, sonhos que se aproximam, exatamente a mesma mania, hábitos construídos juntos, o mesmo "defeito de fábrica", expressões idiomáticas que ambos usam. Nem cabe inumerar o que nos torna semelhantes a alguém ou quando ou como.

Algo de nós está naquele amigo, naquele amor, naquele irmão. Algo que talvez nem consigamos identificar com facilidade. Ainda assim, é o que nos torna cúmplices. É o que torna aquele indivíduo diferente para nós, especial.

Dentre tantas pessoas no mundo, tantas pessoas que passam em nossos dias, quantas são as que amamos? Por que as amamos? Porque amamos o que de nós há nelas. E passamos a amar o que elas despertam em nós.

3 comentários:

taturinga disse...

Amigos tem o dom de chegar sempre naquela hora q mais precisamos, e salvar aquele dia que julgamos perdido.
Amigos são o que há!
rsrs

Bjos

mãe disse...

Amigo é pra essas coisas ...
bjs

vikkas disse...

Eu sempre deixo acumular pra depois passar aqui...eis a grata surpresa. Se salvamos um dia, saiba que você mesma pode salvar muito mais. Ah como eu aprendi com essa BEANCA...Amo tu guriiiiiiiiiaaaaaa!!!Pra o q der e vier...